quinta-feira | 26 de novembro.

Obra para bombeiros Torre de Treinamento no 8o. Batalhão vai ter muro de escalada e todos os dispositivos para combate a incêndio e resgate a vítimas

Ademaldo Construções assina contrato com o Corpo de Bombeiros do Estado de Goiás para a obra de uma Torre de Treinamento que atenderá soldados de brigadas de incêndio, escolas e órgãos públicos que necessitem de orientação para práticas de salvamento.

O prédio terá cinco pavimentos, com sistema de alarme e todos os dispositivos necessários para combate a incêndio e simulação de resgate à vitima. Na parte externa, um muro de escalada onde os homens do Corpo de Bombeiros poderão treinar rapel e salvamento de pessoas e de animais.

A obra conta também com um reservatório para treinamento aquático, de 27 metros cúbicos, com 3 metros de profundidade, 3 metros de largura e 3 metros de comprimento. Dimensões privilegiadas para treinar ações de socorro na água. A previsão é de que a obra tenha duração de 4 meses.

“Um parceiro de alta qualidade para fazer uma obra que é importante para a nossa qualificação profissional, uma torre de treinamento para salvamento e combate a incêndio”, diz Carlos Helbingen Júnior, comandante Geral do Corpo de Bombeiros.

“A Ademaldo Construções poderia oferecer portfólio de obras já realizadas com prazo cumprido, com qualidade cumprida e com valor previamente definido. E isso mostra a lisura da empresa”, avalia o comandante do 8º Batalhão, Sebastião Nolasco Ribeiro

Nolasco reconheceu ainda alguns dos valores da Ademaldo Construções: “Sempre que nos deparamos com obras da Ademaldo, chamavam a nossa atenção a qualidade e o acabamento. E sempre free musically crown hack os proprietários tinham as melhores referências da Ademaldo. Isso foi criando em nós uma imagem da empresa que, no momento em que os recursos foram disponibilizados não me ocorreu outra hipótese que não a de buscar a Ademaldo Construções”.

A obra será feita com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) com as chancelas do Ministério Público do Trabalho (MPT) e do Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Presidente da construtora, Ademaldo Carlos Cabral falou da honra em receber a obra: “Ter sido a construtora escolhida pelo Corpo de Bombeiros, também com indicação do Ministério do Trabalho, a procuradoria do Trabalho também validou  nosso nome; isso tudo é muito honroso para nós, fazer parte de de uma obra que vai trazer um grande benefício para a comunidade.”

Escrito por: .